Tvs embutidas destacam projetos arquitetônicos pelo conceito prático

Sistema que embute o aparelho nas superfícies torna os ambientes mais sofisticados e leves, já que a TV se torna invisível quando desligada

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 03/02/2014 07:59 / atualizado em 28/01/2014 13:32 CorreioWeb /Lugar Certo
A proposta tem como ideia poder assistir TV enquanto está cozinhando ou realizando uma das refeições do dia - Divulgação/Studio Alencar A proposta tem como ideia poder assistir TV enquanto está cozinhando ou realizando uma das refeições do dia
 
 
Com ambientes cada vez menores, cresce a busca por novas alternativas na hora de instalar os televisores de forma harmônica. O aparelho indispensável em mais de 90% dos lares brasileiros, agora vem com configuração diferente, ideal para tornar a decoração leve. Aliado a um mobiliário adequado, as TVs embutidas podem deixar o ambiente ainda mais sofisticado e aconchegante para receber os amigos.

Uma solução prática para liberar espaço no ambiente e minimizar a presença da televisão é embutir o aparelho entre vidros e espelhos, permitindo o reflexo natural que a torna imperceptível quando estiver desligada. Quando utilizada, a TV se destaca como uma diferente peça decorativa.

“Uma opção que deixa o ambiente bem moderno é instalar entre portas de vidro ou espelhadas, mas é importante que seja totalmente invisível quando desligada, dando assim um ar futurístico ao projeto”, comenta o arquiteto Nicholas Alencar.

Segundo o arquiteto, para aplicar a proposta aos ambientes não existe uma TV ideal. “Pela estética, escolha a mais leve e fina possível. Mas mesmo uma mais pesada não tem problema, já que a estrutura de sustentação é firme”, explica.

“O vidro não impede a ação do controle remoto, ela pode ser ligada e desligada normalmente. O ideal de uso, é um espelho fumê ou um vidro refletivo, tanto a manutenção quanto a instalação são simples e acessíveis”, sugere Nicholas.

O aparelho embutido deve ser uma TV de apoio, instalada em cozinhas, bares e salas de jantar. “Por ter um vidro entre a TV e o observador, o ideal é que seja uma televisão em que não tenha que se ler legendas, já que a qualidade não fica 100%”, finaliza.
 
Divulgação/Studio Alencar
 

Tags: sustentabilidade

Anúncios do Lugar Certo

Outros artigos

ver todas
05 de outubro de 2016
26 de setembro de 2016
23 de setembro de 2016