Apartamentos compactos entram no gosto dos jovens brasileiros

Imóveis com até 60m² estão em alta no mercado, e a demanda parte de jovens que buscam, principalmente, independência

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 20/07/2015 11:21 / atualizado em 20/07/2015 11:42 CorreioWeb /Lugar Certo
Reprodução Internet


Na última década, os apartamentos compactos, com até 60m², entraram no gosto dos brasileiros, principalmente jovens profissionais que querem se tornar independentes. Para suportar a demanda, as construtoras estão oferecendo produtos cada vez mais variados, para atender a diversos perfis de compradores.

Leia mais notícias em Arquitetura e Decoração

Áreas comuns, boa localização e acesso infraestrutura de compras são alguns dos requisitos. “As construtoras estão atentas a esse perfil de comprador e têm demandado unidades com dimensões menores, mas em empreendimentos que suprem as necessidades dos moradores”, garante o sócio-diretor da Bloc Arquitetura, Luiz Felipe Quintão.

Reprodução Internet
Quintão acrescenta que espaços integrados também chamam a atenção desse perfil de comprador, de forma a dar ao morador uma extensão, uma espécie de prolongamento da sala de estar do apartamento. “O tradicional pilotis, padrão composto normalmente por salão de festas, piscina e quadra de esportes, já não é o suficiente para atender tal público”, explica o arquiteto.

Há alguns meses morando em um apartamento de 40m², a relações públicas Sarah Guimarães não se arrepende da escolha. “Assim que consegui um pouco mais de estabilidade financeira, procurei um local que desse para receber meus pais, amigos e namorado. Nada se compara à privacidade de ter um espaço só seu”, comenta a jovem, que antes morava com familiares em uma casa de seis quartos.

Ter um espaço personalizado e suficiente para atender as necessidades foi o que levou o arquiteto Pedro Guadalupe a comprar um imóvel de 58m². “Tirei uma das paredes, o apartamento ficou com quarto, banheiro e cozinha americana”, conta. Assim, o rapaz conseguiu adequar o lar ao próprio estilo de vida. “Sou mais urbano, não preciso viver em uma casa distante, com quintal para um cachorro, como muitos sonham - preciso de pouco espaço”, afirma.

Anúncios do Lugar Certo

Outros artigos

ver todas
05 de outubro de 2016
26 de setembro de 2016
23 de setembro de 2016