Jardins verticais colocam a natureza em ambientes compactos

Ter pouco espaço já não é mais uma desculpa para ter um jardim em casa

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 29/10/2015 10:00 / atualizado em 28/10/2015 19:44 CorreioWeb /Lugar Certo
Ambiente Letícia Hammerschmidt Goulart - Jomar Bragança Ambiente Letícia Hammerschmidt Goulart
A natureza é capaz de dar mais vida a qualquer ambiente. Seja comercial ou residencial, um simples jarro de flores ou um pequeno canto destinado a um jardim já é responsável por promover um espaço mais alegre, colorido e com sensação de leveza. Para alguns, soa quase impossível o cultivo de plantas na sua residência, com a verticalização das cidades e as casas sendo substituídas por apartamentos ou lofts. Mas a tarefa é possível e a solução tem nome e sobrenome: jardim vertical.

Ter pouco espaço já não é mais uma desculpa. As paredes, antes nuas, podem dar lugar a hortas e jardins completos, com sistema de irrigação modular. O mercado já conta com uma vasta gama de técnicas de instalação, para todos os bolsos: é possível plantar em blocos de concreto, formando um zigue-zague; adquirir um kit de sistema modular, feito de plástico, onde os vasos são montados separadamente; estrutura de madeira ou de placas de fibra, encaixadas e acopladas à parede em uma composição harmoniosa, ou vasos suspensos, cujas folhas se unem em um formato desigual, dando naturalidade ao ambiente.

Leia mais notícias em Arquitetura e Decoração

Os jardins verticais possuem utilização versátil e são ideais tanto em varandas quanto em salas de estar, de jantar, nas cozinhas e até mesmo em ambientes comerciais. Já ganharam o gosto dos arquitetos – e começam a encher os olhos dos clientes mais exigentes. Com o tema “Brasilidade”, a 24ª edição da mostra ressalta a naturalidade como fundamental para a composição da decoração e traz mais de dez opções de utilização para os jardins verticais.

Um exemplo é o Espaço do Chef, assinado por Karla Amaral. Com 220 m², a cozinha do ambiente tem uma grande parede de samambaias ao fundo, aproveitando ao máximo o ar e a luz natural, complementadas por pequenos nichos de horta com pimentas e outros vegetais. Os espaços comerciais também ganham vez: a Pop Up Store, de Priscila Gabriel, com 50 m², une a joalheria com um bar na parte traseira todo recoberto por plantas na parede e no teto, dando a sensação de estar em uma ilha no meio da natureza.

Até mesmo para quem não tem muito tempo ou pré-disposição para cuidar do jardim, há opções. Para o Quarto do Rapaz, com 39 m², a arquiteta Letícia Hammerschmidt encobriu parte da parede com um jardim vertical de samambaias artificiais, que imitam o jardim original, dando a mesma ideia de naturalidade mas sem a necessidade de instalações hidráulicas ou tempo para irrigação manual. Para a profissional, essa é a melhor opção para quem que levar a ideia de estar próximo da natureza para um ambiente pequeno sem contratempos em um cotidiano cada vez mais corrido e atarefado.

Ambiente Karla Amaral - Jomar Bragança Ambiente Karla Amaral

Ambiente Didacio e Flávia Duailibe - Nicolas Oliveira Ambiente Didacio e Flávia Duailibe

Anúncios do Lugar Certo

Outros artigos

ver todas
05 de outubro de 2016
26 de setembro de 2016
23 de setembro de 2016