Transforme o hall de entrada em um ambiente charmoso e convidativo

Profissionais dão dicas sobre como deixar o hall mais interessante, mostrando a beleza da casa desde a sua porta de entrada

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 09/12/2015 16:52 Hellen Leite
Osvaldo Castro


O ano de 2016 está se aproximando. Valendo-se da velha máxima de “ano novo, vida nova”, que tal começar com uma decoração renovada? A dica é iniciar as mudanças pela porta de entrada, afinal o hall é a vitrine da casa e também merece toques de requinte e sofisticação.

Por se tratar de um ambiente de passagem, onde os convidados não permanecerão por muito tempo, vale a pena arriscar e ousar na decoração do espaço, como sugerem a designer de interiores Alessandra Morávia e a arquiteta Adriana Morávia, do escritório Morávia: Arquitetura e Interiores: “É possível ousar mais, com espelhos, que dão a sensação de amplitude; papel de parede, que traz sofisticação e placas cimentícias, que também são uma ótima opção. Painéis amadeirados também trazem sofisticação ao espaço”, ressaltam.

Sendo o hall o responsável pela primeira impressão que se terá da casa é importante investir em elementos que o torne convidativo e interessante. “Uma dica é manter a mesma linguagem que o interior da casa. Sugerimos o uso de bancos, poltronas, aparadores, esculturas e revestimentos na parede”, indicam Alessandra e Adriana Morávia.

Leia mais notícias em Arquitetura e Decoração

Jomar Bragança
A arquiteta Isabela Canaan concorda e propõe que o hall seja trabalhado com critério e traduza bem o astral do apartamento: “Espelhos, painéis de madeira, painéis laqueados, obras de arte, plantas, o mais importante é que o hall traduza em menor escala a linguagem do apartamento”, cita.

O uso de uma iluminação adequada também é um fator de grande relevância na hora de compor a entrada. “A iluminação deve valorizar as peças mais importantes, as cores e os materiais, que devem ser utilizados com equilíbrio conforme a dimensão do hall em questão e o espaço deve ter elementos que deem uma prévia do que será encontrado dentro da residência”, explica Isabela Canaan.

É essencial avaliar a luminosidade do local ao especificar um elemento que pode se tornar destaque neste tipo de ambiente: as plantas. “O importante é atentar para plantas adequadas para o espaço. Se existe iluminação natural é possível investir em plantas naturais. Seriam espécies que gostam de sombra e aguentam por mais tempo em ambientes fechados. Se não há incidência de luz do sol, melhor optar por plantas artificiais”, explicam Alessandra e Adriana Morávia.

“É fundamental a escolha de uma espécie de planta adequada às condições do ambiente, dependendo exclusivamente da iluminação, insolação e ventilação do espaço. Vale consultar um paisagista para auxiliar na escolha correta da melhor espécie”, arremata Isabela Canaan.

Anúncios do Lugar Certo

Outros artigos

ver todas
05 de outubro de 2016
26 de setembro de 2016
23 de setembro de 2016