Invenções obtêm água a partir da umidade do ar

Um dos exemplos é o coletor portátil de água atmosférica inspirado em besouro na Namíbia

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 12/03/2015 08:02 / atualizado em 11/03/2015 15:58 CorreioWeb /Lugar Certo
Segundo pesquisa da Organização Mundial da Saúde (OMS), 748 milhões de pessoas não tem acesso a água potável. É nesse cenário que surgem iniciativas que unem sustentabilidade e criatividade para obter água própria para consumo de ambientes incomuns, como o ar.

Uma dessas ideias foi desenvolvida na parceria entre a Mayo DraftDCB e Universidade de Engenharia e Tecnologia em Lima, Peru. O projeto pretende desenvolver o primeiro outdoor do mundo capaz de produzir água potável a partir do ar. O protótipo está localizado em uma região desértica, onde chuvas são escassas durante todo o ano, mas a umidade chega a quase 98%.



Nesta região, as famílias retiram água de poços, porém a qualidade é ruim. Com a implantação do projeto, o grupo prevê que centenas de pessoas tenham acesso a água potável a partir de uma estrutura com um sistema que capta as partículas do ar, transforma em água e armazena em tanques de 20 litros.

WarkaWater/Divulgação

Leia mais notícias em Show Room

Nesse mesmo sentido caminha outro projeto pensado por um estudante de design industrial da Universidade de Viena. Ele criou uma garrafa capaz de produzir água a partir das gotículas presentes na atmosfera. Ao instalar a estrutura em uma bicicleta, o aparelho recolhe ar à medida que o ciclista pedala.

A garrafa é capaz de extrair do ar meio litro de água por hora, em regiões com altas temperaturas e umidade. O projeto ainda não está à venda, mas o protótipo pronto já é alvo de melhorias para entrar no mercado.

Mayo DraftDCB/Divulgação

E a própria natureza também ajuda no desenvolvimento de ideias sustentáveis. Inspirados em um besouro da Namíbia, que possui saliências que atraem água, pesquisadores do Instituto de Tecnologia de Massachusetts desenvolveram um coletor portátil de água atmosférica.

O coletor consiste em uma malha que atrai as gotículas de água que estão no ar. Na extremidade, a estrutura é conectada a pequenos recipiente, por onde a água flui e é depositada em reservatórios. Os responsáveis esperam apoio financeiro para inserir o produto no mercado.

Mayo DraftDCB/Divulgação

Anúncios do Lugar Certo

Outros artigos

ver todas
19 de fevereiro de 2016
15 de janeiro de 2016
04 de janeiro de 2016
17 de dezembro de 2015
27 de agosto de 2015