Caixa anuncia recorde de R$ 134,9 bi em crédito imobiliário ao longo de 2013

Segundo o banco, um dos fatores que influenciaram no crescimento do crédito imobiliário foi o Minha Casa Minha Vida, que encerrou o ano com 900 mil unidades contratadas

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 27/01/2014 15:42 / atualizado em 27/01/2014 16:46 Diane Lourenço /Correioweb
Crescimento do crédito imobiliário recebeu influência do Minha Casa Minha Vida, que até o final de 2013 entregou mais 1,5 milhão de moradias - Breno Fortes/CB/D.A Press - 22/05/2009 Crescimento do crédito imobiliário recebeu influência do Minha Casa Minha Vida, que até o final de 2013 entregou mais 1,5 milhão de moradias

Em anuncio feito na segunda-feira (27/1), a Caixa Econômica mostrou que o banco superou as expectativas com o crédito imobiliário, que deverá continuar crescendo esse ano. No ano passado, a instituição totalizou R$ 134,9 bilhões, o que superou a estimativa de R$ 130 bilhões para 2013.

De acordo com a instituição, a estimativa é que o número seja maior ao longo de 2014, podendo alcançar até 20% a mais que o registrado no ano passado. Segundo a Caixa, do montante aplicado em 2013, 65% foram destinados para aquisição de imóveis novos e 35% para os usados.

No comunicado, o banco divulgou que foram aplicados R$ 61,64 bilhões com recursos da poupança pelo Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE). O que alcançou mais de 50% de tudo o que foi feito no mercado, no total. Mais de R$ 41,2 bilhões optaram por linhas que utilizam recursos do FGTS e R$ 20,47 bilhões de recursos do FAR (Fundo de Arrendamento Residencial) e demais fontes somaram R$ 11,57 bilhões.

Aquisição ou construção de imóveis individuais registrou R$ 79,12 bilhões em financiamentos, enquanto os investimentos para a produção de imóveis alcançaram R$ 55,83 bilhões. Ao longo dos anos, houve um crescimento nos financiamentos para aquisição ou construção de imóveis individuais, saindo dos 14% em 2007, para 41% em 2013.

Outro fator que influenciou no crescimento do crédito imobiliário foi o Minha Casa Minha Vida, que encerrou o ano com 900 mil unidades contratadas, elevando para R$ 3,24 milhões de unidades contratadas desde o lançamento do programa. Até o final de 2013, o programa do governo entregou mais 1,5 milhão de moradias.

A participação da Caixa no mercado financiamento de imóveis ficou em 69% ao final de 2013. Com relação à idade dos mutuários, mais de 35% dos financiamentos foram concedidos a clientes com menos de 30 anos. Já a faixa etária de 31 a 45 anos correspondeu a 45% dos contratos do crédito imobiliário no último ano. A inadimplência dos financiamentos imobiliários manteve-se baixa, com índice de 1,47%, inferior ao índice de 1,54% do fechamento do primeiro semestre.

Tags: brasil

Anúncios do Lugar Certo

Últimas notícias

ver todas
05 de outubro de 2016
26 de setembro de 2016
23 de setembro de 2016