Método inovador de construção promete casas prontas em até 15 dias

Itália desenvolve tecnologia, que oferece segurança e agilidade, nos processos construtivos sem gerar resíduos

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 26/08/2013 08:01 / atualizado em 20/08/2013 15:19 Lugar Certo /Folha de Londrina
Projeto de construção sem resíduos oferece segurança, agilidade e preços reduzidos em comparação com obras tradicionais - Divulgação/Luxtech Projeto de construção sem resíduos oferece segurança, agilidade e preços reduzidos em comparação com obras tradicionais
 
 
Um novo método de construção iniciado na Itália está ganhando espaço no Brasil e promete colocar uma casa em pé em, no máximo, 15 dias. Batizado de PanHouse, o método chegou ao país através de uma empresa especializada em construções com painéis isolantes térmicos, acústicos e antichamas. O PanHouse é baseado em um formato construtivo e está instalando em uma fábrica no interior de São Paulo. O projeto oferece segurança, agilidade e preços reduzidos em comparação com obras tradicionais.

Nesse novo modelo, a construção passa a ser totalmente limpa, uma vez que não gera resíduo. "O sistema de placas é montado incluindo paredes, laje e cobertura, e a obra fica pronta sem deixar a sujeira tradicional, como de areia ou de cimento", afirma Mauro Gil Meger, diretor geral da empresa. Além disso, a composição das placas possui poliestireno ou lã de rocha, que são de origem vulcânicas e ambientalmente sustentáveis. "Todo o material usado é reciclável", acrescenta.

O sistema de placas é resistente à umidade, ao fogo e a grandes impactos. Possui certificação pela Universidade de Florença contra terremotos e ventos de até 110 km/h. Por se basear em placas, sustentadas por uma estrutura de aço, há possibilidade de diversas formas de divisão interna em três modelos de padrão residencial (47 m2, 77 m2 ou 108 m2) e em projetos específicos e personalizados apresentados pelos clientes. "A tecnologia garante isolamento acústico e térmico", destaca Meger.

Divulgação/Luxtech
 
 
O novo modelo reduz o custo das casas. "O sistema construtivo a seco PanHouse traz grande economia e praticidade quando comparado a outros processos construtivos, especialmente os tradicionais", ressalta o empresário. Além da redução dos valores com insumos, o menor tempo de uso da mão de obra interfere diretamente no valor total da residência. Para ter a casa pronta em 15 dias, basta apresentar um terreno em condições adequadas para a instalação.

Acabamentos

Os elementos construtivos deste sistema como, as paredes, podem ser personalizados como nas residências convencionais. É possível optar por diversos tipos de revestimentos, desde cerâmicos até papéis de parede. Os padrões de louças, metais e pisos também são definidos a critério do consumidor. O modelo padrão é entregue com esquadrias/janelas em PVC; portas internas, em madeira; e externas, em alumínio. "Todo o acabamento pode ser personalizado, de acordo com as necessidades e exigências dos consumidores", finaliza Meger.
 
Divulgação/Luxtech
 

Anúncios do Lugar Certo

Outros artigos

ver todas
05 de outubro de 2016
26 de setembro de 2016
23 de setembro de 2016