Chegada do bebê: como transformar home office para acolher a criança

Transformação não ocorre somente no sentido afetivo, a chegada do bebê significa mudanças em apartamentos pequenos de dois quartos

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 04/11/2013 08:01 / atualizado em 04/11/2013 09:43 CorreioWeb /Lugar Certo

Adaptar o home office para a chegada do bebê é uma alternativa para quem pretende gastar pouco, já que é possível aproveitar a mobília existente - Divulgação/Adriana Morávia Adaptar o home office para a chegada do bebê é uma alternativa para quem pretende gastar pouco, já que é possível aproveitar a mobília existente
 

 

A chegada de uma criança não muda apenas rotina, mas também a estrutura da casa. A necessidade de montar um quarto destinado apenas para o bebê, muitas vezes acontece no cômodo que funcionava como home office do casal. Adaptar o ambiente para essa chegada pode contar com o aproveitamento da mobília existente, que pode ser uma alternativa para quem não pretende gastar muito. A preocupação deve ser com o aconchego e tranquilidade que devem ser transmitidos para a criança, através de elementos como a iluminação e a escolha das cores.


Divulgação/Adriana Morávia
A transformação de escritório em quarto de bebê é um projeto comum em lares brasileiros, cada vez mais compactos. “Todos os ambientes do lar podem ser modificados, já que as necessidades dos moradores estão sempre mudando. O nascimento de um bebê é um bom exemplo disso. Realizar um projeto que solucione essas novas demandas pode contar com o reaproveitamento da mobília e baixos custos”, comenta a arquiteta Adriana Morávia.


Para aproveitar os móveis já existentes do escritório para o quarto de bebê, Adriana dá as seguintes dicas: “se o móvel não estiver em bom estado é aconselhável restaurar ou até mesmo mudar o acabamento. No caso dos armários, para pendurar as roupinhas do bebê, algumas prateleiras deverão ser retiradas, dando lugar para um cabideiro. Por fim, a bancada do escritório pode ser transformada em trocador”, sugere.


A iluminação precisa de grandes alterações para a chegada do bebê. Diferente do projeto de luz de um escritório, o quarto de bebê precisa ser mais aconchegante e relaxante. Já em relação às cores, é possível escolher tons que combinem com o mobiliário. “Para finalizar o ambiente, é possível pintar uma única parede com uma cor mais alegre”, conclui Adriana.   

Anúncios do Lugar Certo

Outros artigos

ver todas
05 de outubro de 2016
26 de setembro de 2016
23 de setembro de 2016